Arquivos da categoria: Eventos

Participação no QCon SP


QCon São Paulo
– O principal evento de arquitetos e desenvolvedores chega a América Latina. O QCon SP traz, dias 11 e 12 de setembro, ícones internacionais e nacionais de diversas áreas, com apresentações de alto nível técnico. Com sistemas cada vez mais complexos, o QCon aborda não apenas uma única tecnlogia ou aspecto: passa de Java, .NET e Rails até Arquitetura, Design, Cloud, Escalabilidade, Replicação, Cache e casos de sucesso. Serão dois dias com mais de 40 palestras de alto nível.

Eu estarei lá junto com o Gabriel Benz, que trabalha comigo na Giran, nós apresentaremos um case de sucesso relacionado ao nosso trabalho com a Wine.com.br, o maior e-commerce de bebidas da América Latina, projeto de inteira responsabilidade da equipe da Giran, desde o desenvolvimento do sistema em si até integrações com sistemas de terceiros e ambiente/servidores de produção.

O trabalho com a Wine é desafiador e muito interessante para todo o time, mesmo após 13 meses de trabalho contínuo ainda aprendemos muito, criamos muitas coisas novas, mudamos, e ainda temos muito a construir e realizar, muitos desejos e sonhos. A Wine deixou de ser apenas um cliente Giran e tornou-se um parceiro+amigo: transparência, sinceridade, dedicação e um time que trabalha com qualidade extrema, todos estes fatores foram essenciais para alcançarmos esta confiança e parceria.

Vamos falar rapidamente sobre essa parceria e forma de trabalho e vamos nos concentrar na parte técnica (a mais legal) do projeto, quem estiver na apresentação verá algumas coisas que estamos fazendo com Spring e Solr, com Apache, caches diversos, um pouco de Torque e OpenJPA, e muitos outros pontos interessantes da arquitetura tanto de software quanto de produção.

Eu estou, pessoalmente, tomado por um sentimento que mistura um pouco de felicidade, realização e reconhecimento, estou muito feliz com o trabalho na Giran, com os clientes e projetos e principal com a equipe que estou trabalhando, são todos ‘excepcionais’ (literalmente). E claro, muito ansioso pelo evento e pela apresentação, parece até a minha palestra!

Maré de Agilidade em Vitória-ES: Maré Vix

Maio será um mês de muitas ondas boas, no dia 22 teremos o Maré de Agilidade em BH e no próximo final de semana, dia 29 de maio teremos o Maré de Agilidade em Vitória, ou Maré-Vix: http://www.mare-vix.com

O Maré Vix contará com uma programação bastante recheada e enriquecedora: teremos um dia inteiro com muitas palestras e uma mesa redonda com todos os palestrantes ao final do evento. Dentre os nomes confirmados para o evento, temos: Guilherme Silveira, com a palestra Um produto em duas semanas, Guilherme Chapiewski, Denis Ferrari sobre Domain-Driven Design, Fabrício Vargas Matos falará sobre TDD e Jeveaux – eu, sobre Negociação de contratos.

O Maré Vix conta com o apoio e patrocínio da Giran e Qualidata para a sua realização, e o apoio fundamental da Faesa, cedendo espaço, infra-estrutura e ajuda necessárias para a realização do evento, e claro, com os patrocinadores que nos ajudam a tornar o evento realidade: HighLanCaelum, GUJ e InfoqBR. Tem interesse em colaborar na organização? Patrocinar? Então entre em contato comigo agora mesmo: paulo.jeveaux (a) giran.com.br.

Um pouquinho sobre a minha apresentação:

Negociação de contratos de projetos ágeis: contratos de escopo negociáveis

Trabalhar em par, escrever testes, muitos testes e colar os papeizinhos na parede, não acaba por aí? Ninguém me avisou que existe uma parte difícil! Um projeto de software, independente da metodologia de gestão ou engenharia é um projeto que possui um cliente – que investe capital – e uma empresa que fornece serviços – que recebe o capital em troco de devolver um bom produto – e este relacionamento tende a ser fortemente formal e legal, o que nos leva para as negociações de contrato entre cliente e fornecedor.

Customer collaboration over contract negotiation, assim encontramos no Manifesto Ágil: Colaboração com o Cliente mais que negociação de contratos, o que não significa trabalhar sem contratos, pelo contrário, os contratos fazem parte de todo e qualquer projeto de software, são indispensáveis. Mas onde está o ponto de equilíbrio? Como conseguiremos um balanço ideal? Como você já deve imaginar, não há bala de prata aqui também, mas existem diversos caminhos e alternativas que podem ser traçadas para ajudar no caminho do sucesso. Estas modalidades de contratos e formas de trabalho serão abordadas nesta apresentação através de: contratos de preço, tempo ou lucro fixo, contratos de escopo negociáveis e até contratos de escopo aberto.

Então é isso, visite o site do Maré-Vix agora mesmo e garanta a sua participação, as vagas são limitadas.

Maré de Agilidade em BH

No dia 22 de maio, em Belo Horizonte – MG, será realizado o Maré BH, uma versão do Maré do Agilidade que está viajando entre várias cidades.

Fiquei muito contente com o convite do Marcos Sousa para participar do Maré em BH com uma palestra sobre minha minhas últimas experiências aqui na Giran em negociação de contratos para projetos de escopo variável ou incremental.

Um pouquinho sobre a minha apresentação:

Negociação de contratos de projetos ágeis: contratos de escopo negociáveis

Trabalhar em par, escrever testes, muitos testes e colar os papeizinhos na parede, não acaba por aí? Ninguém me avisou que existe uma parte difícil! Um projeto de software, independente da metodologia de gestão ou engenharia é um projeto que possui um cliente – que investe capital – e uma empresa que fornece serviços – que recebe o capital em troco de devolver um bom produto – e este relacionamento tende a ser fortemente formal e legal, o que nos leva para as negociações de contrato entre cliente e fornecedor.

Customer collaboration over contract negotiation, assim encontramos no Manifesto Ágil: Colaboração com o Cliente mais que negociação de contratos, o que não significa trabalhar sem contratos, pelo contrário, os contratos fazem parte de todo e qualquer projeto de software, são indispensáveis. Mas onde está o ponto de equilíbrio? Como conseguiremos um balanço ideal? Como você já deve imaginar, não há bala de prata aqui também, mas existem diversos caminhos e alternativas que podem ser traçadas para ajudar no caminho do sucesso. Estas modalidades de contratos e formas de trabalho serão abordadas nesta apresentação através de: contratos de preço, tempo ou lucro fixo, contratos de escopo negociáveis e até contratos de escopo aberto.

Este é um evento que promete, muito! Serão dois dias de atividades com mini-cursos e palestras e muita gente boa da comunidade agile brasileira. Estou contando os dias para rever alguns velhos amigos e conhecer pessoalmente alguns novos-velhos amigos das listas e blogs.

Participações confirmadas: Guilherme Silveira, CV, Éder Frances Oliveira, Márcio Sete, Marco Aurélio de Souza Mendes, Alexandre Gomes, Heitor Roriz, Manoel Pimentel, Renato Willi e Eu :) Veja mais detalhes sobre os palestrantes e as palestras aqui.

IV Encontro de Java do Espírito Santo

Está chegando o dia do IV EJES – Encontro de Java do Espírito Santo, um evento criado e realizado pelo ESJUG e que, este ano, está contando com o apoio da Giran na organização e realização do evento.

banner_ejes

O IV EJES está recheado de assuntos super interessantes, aprenderemos sobre banco de dados não relacionais (NoSQL), utilização de Ajax com extJS em projetos Java/Spring, desenvolvimento de aplicações móveis com Java ME, indexação e pesquisa decente para sua aplicação com Lucene, vamos aprender a utilizar persistência em Java com SQL e Hibernate e vamos conhecer alguns dos principais frameworks web disponíveis e como escolher o melhor deles para o nosso projeto.

Este ano o IV EJES promete muito! Contamos com a participação e patrocínio de diversas empresas (poucas locais, uma pena) e organizações. A Caelum estará presente com o Paulo Silveira, teremos também o Rafael Carneiro, JUG Leader do CEJUG e um dos mais notáveis JUG Leaders do país, Loiane Groner a capixaba que foi embora e virá nos fazer uma agradável visita e claro, alguns representantes da terrinha: Eu, André Lima e Bayron Thiengo.

Participe você também, além de aprender muito e melhorar sua rede contatos você estará contribuindo e ajudando um evento que, verdadeiramente, está sendo organizado e realizado para vocês, comunidade de desenvolvedores Java do Espírito Santo.

Garanta a sua vaga, inscreva-se!

IV Encontro de Java do Espírito Santo vem aí!

O ESJUG realizará a quarta edição do Encontro Anual de Usuários de Java do ES (EJES) no dia 17 de outubro, na UVV, em Vila Velha.

A grade ainda está sendo finalizada, mas já podemos adiantar o nome de algumas feras que estarão palestrando no dia:

  • André Lima Silva (Grupo Otto Andrade) – CouchDB
  • Loiane Groner (IBM Brasil) – Ajax de primeira com ExtJS + JSON no seu projeto Spring
  • Paulo César Jeveaux(Giran Ensino e Soluções) – Turbinando sua aplicação com Lucene
  • Paulo Silveira(Caelum) – Desmistificando o TDD na prática
  • Rafael Carneiro (CEJUG) – A definir

O evento terá início às 8 horas (com direito a coffee break de abertura) e encerramento às 18 horas, com sorteio de vários brindes super legais, que preparamos especialmente para vocês!

Este ano, o IV EJES conta com o patrocínio da PowerLogic e Caelum e com o apoio da UVV, SUN, Mundo Java e SBC.

Portanto, marque na agenda: dia 17/10/09 (sábado), você tem um encontro marcado com os usuários java do Espírito Santo!

Não perca esse oportunidade, pois o EJES só acontece uma vez por ano!

Mais informações sobre a grade e inscrições em breve.

Organização e Realização: ESJUG e Giran